Campanha tem 150 pontos de coleta de DNA de parentes de desaparecidos