Montanhista que escalou Everest usou racismo estrutural como motivação